Blog Ensino a Distância

Ser funcionário ou ser empreendedor?

Quer sair do seu emprego massante e ter seu próprio negócio sendo empreendedor? Está com medo de dar esse passo? Vamos tratar um pouco deste assunto de transição de carreira neste post. 🙂

Indicamos a leitura do post sobre empreender na crise: Clique aqui.

Tenho certeza que motivação para sair do emprego para trabalhar em uma outra área não lhe falta: Irritação com chefe, clientes, com a empresa como um todo, dentre outras coisas.

Darei duas opções de perfis de trabalhador e você analisará em que qual você se encaixaria melhor:

  1. Trabalha e usa suas habilidades para trabalhar com o que gosta. É destemido e quer sempre ir atrás de seus objetivos. A auto motivação é maior que o dinheiro.
  2. Trabalha para ter uma renda e pagar contas. São acomodados e estáveis na situação que se encontram.

Gostaria de deixar claro que não quer dizer que um é melhor que o outro. Tem pessoas que realmente o perfil não se encaixa em um perfil empreendedor e está TUDO BEM também! 🙂

Se você se identificou mais com o primeiro perfil, você tem a alma empreendedora e quer ir em busca do sucesso, custe o que custar. E sucesso não quer dizer apenas ficar rico, mas sim ir em busca de uma realização pessoal, saber que o que você está fazendo te dá vontade de trabalhar mais e mais, se tornando algo prazeroso E AINDA podendo gerar uma boa renda.

Se você se identificou com o segundo perfil, você tem a ciência que ficará subordinado ao seu superior. Faz apenas as coisas que lhe são conferidas. Mas, tenha em mente: Nenhum emprego é eterno.

Muitas pessoas tem medo de deixar o emprego “com mais segurança” para trás e empreender, justamente por não ter a garantia de que dará certo e isso é completamente compreensível.

Se você ainda não está seguro para deixar o seu emprego, empreender no e-commerce é uma opção viável para você que não quer por enquanto deixar de trabalhar e conseguir com renda extra. Comece a elaborar seu plano de negócios e vai começando o seu projeto de pouco em pouco, sem pressa.

Virar dono da própria empresa não é nada fácil. Essa empreitada tem o bônus, mas também tem o ônus, não é? Muitos pensam que esse é o caminho para se livrar do chefe. No entanto, quando você tem um negócio próprio, você passa a ter dezenas de chefes: Clientes, fornecedores, gerentes de banco, parceiros e entre outros. Não abandone o seu emprego pelos motivos errados. Ter um chefe chato, horários complicados, não é motivo para você pedir demissão e começar um empreendimento. Isso não quer dizer que quando você for empreendedor você será mais feliz, pelo contrário, terá mais responsabilidades.

Se o seu desejo é sair do emprego o quanto antes para começar a empreender, tenha uma reserva financeira. O ideal é que você tenha capital para conseguir se sustentar por pelo menos 6 meses. Mas NUNCA saia do seu emprego sem ter ideia do que fazer!

Tenha em mente que não existe um perfil certo ou errado. São personalidades distintas. Reflita e decida qual é o perfil que mais combina com você. 🙂

Quer conhece mais do mundo EAD e como criar cursos online? Clique aqui. 😀

Mariana Machado – Bacharel em Direito – Produtora de conteúdo da Global EAD

Category: plataforma ead