Blog Ensino a Distância

Segurança de conteúdos EAD

Com certeza você já ouviu alguém dizer: “Nada se cria, tudo se copia”. Pode parecer “engraçadinho”, mas, e quando alguém está utilizando indevidamente de algum conteúdo seu que você ficou dias e dias elaborando? Será que não está na hora de se preocupar com a segurança de seus conteúdos na internet?

Indicamos para leitura o post sobre motivos para usar vídeo aulas em seus cursos online: Clique aqui. 🙂

Hoje em dia todos que postam conteúdos na internet estão passíveis de sofrer com o roubo e pirataria. Esses ladrões de conteúdo são os maiores inimigos de empreendedores do ramo EAD, pois enquanto quem produz o conteúdo investe ($$$) nisso, a pirataria acaba ganhando muito mais.

É a plataforma EAD que tem que trazer a segurança para o cliente, mas esta segurança é uma proteção primária contra download não autorizado. Atualmente existe uma facilidade maior de conseguir roubar vídeos, textos e artigos, justamente por haver pessoas com esta expertise. Mas, todo cuidado é pouco, não é mesmo? Há algumas formas de não haver este roubo de conteúdo e vamos dissertar um pouco sobre elas.

Em nossa plataforma EADGlobal EAD, por exemplo, dispomos de alguns mecanismos para que não haja este tipo de “dor de cabeça”. Vamos dizer que você criou um curso online X e adicionou algumas apostilas com o conteúdo do curso. Para evitar o roubo, a nossa plataforma EAD automaticamente coloca o CPF do aluno matriculado que está acessando este determinado curso ao final da apostila.

Uma outra hipótese de segurança que possamos trazer aos clientes da Global EAD é ao inserir vídeos dentro do cursos online na plataforma, automaticamente a plataforma faz com que o CPF do aluno matriculado fique rodando pelo vídeo, dificultando assim, o roubo do conteúdo. Legal, não?

Há também uma forma um pouco mais burocrática, mas eficaz dependendo do caso. Vamos dizer que você publicou em seu site um artigo. Desta maneira você pode proteger o seu artigo fazendo um depósito de direitos autorais. Para você saber mais sobre isso, acesse este link.

Uma boa maneira de proteger seu conteúdo, também, é inserindo marcas d’aguas em vídeos e textos.

Quer saber mais sobre os direitos autorais? Nós temos um curso completo tratando deste assunto. Acesse este link para saber mais sobre.

Você sabe o que é DRM? Você usa músicas nos seus vídeos? Então, você precisa saber como funciona o DRM. DRM é uma sigla para Digital Rights Management, que em português significa Gestão de Direitos Digitais ou GDD. É uma tecnologia criada para controlar a distribuição e a visualização de conteúdo, seja ele em vídeo, áudio ou texto, assegurando os direitos autorais para os seus criadores e suas marcas registradas.

Cada empresa tem um tipo de DRM diferente que é colocada a mídia que aquela empresa produz. Apesar de cada empresa ter seu tipo de DRM, todas elas tem características semelhantes, como por exemplo as que restrigem a reprodução dos arquivos.

Esse tipo de gestão de direito digital mantém a propriedade intelectual resguardada e protege contra cópias e pirataria. Ou seja, ninguém vai usar indevidamente as suas músicas, vídeos ou outras propriedades intelectuais produzidas por você sem o seu consentimento. Mas, por ser algo mais complexo, tem um custeio.

Esse alerta de uso indevido de conteúdo serve tanto para o produtor de conteúdo que quer postar seu trabalho em plataformas EAD, como para o produtor de conteúdo que utiliza indevidamente de materiais de outros. Cuidado!

Mariana Machado – Bacharel em Direito – Produtora de conteúdo da Global EAD

Category: plataforma ead